Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 25 de março de 2010

SHOCKING BLUES



Shocking Blue começou a partir da idéia do guitarrista Robbie Van Leeuwen em 1967, a banda começou com o baterista Cor Van Beek, o baixista Klaassje van der Wal e o cantor Fred de Wilde. A banda gravou um disco que fez sucesso moderado na Holanda. Em 1968, o empresário foi até uma festa estava sendo animada pela banda Bumble Bee, lá ele conheceu Mariska Veres que logo depois com o contrato dos produtores do Shocking Blue virou a vocalista.
A partir dos anos 70 eles fizeram sucesso na Holanda e nos Estados Unidos e em toda parte do mundo com o single "Venus", com a voz rouca, forte, a maquiagem e as roupas de Mariska confudiam muita gente se perguntando se a cantora era homen ou mulher. A música rendeu a banda popularidade e dinheiro, então a banda fez um novo disco chamado "At Home" que trazia o single "Venus" e "Love Buzz" (serviu de inspiração para ser regravado pelo Nirvana.
O Shocking Blue seguiu lançando excelentes singles, que fizeram enorme sucesso na Holanda, no resto da Europa e Japão, como "Mighty Joe", "Never Marry a Railroad Man", "Hello Darkness", "Shocking You", "Long Lonesome Road", "Blossom Lady" e "Inkpot". A banda com o passar do tempo foi se depurando e em 1971 o guitarista abandonou a banda, Mariska continuou, mas o então trieto acabou em 1974.
Depois que Shocking Blue acabou, Mariska seguiu carreira solo no pop e eurodance. Mariska morreu em 2 de Dezembro de 2006 com 59 anos, vitimada por um câncer, usava peruca, era tímida e se sentia incomodada com a perca de "sex symbol", odiava drogas e sexo.
Em uma entrevista ela disse: Eu era apenas uma boneca pintada, ninguém podia me alcançar. Hoje em dia estou muito mais aberta às pessoas.

Nenhum comentário: