Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 5 de abril de 2016

GONG


O Gong é uma banda formada pelo guitarrista e vocalista australiano Daevid Allen, também fundador do Soft Machine. Apesar de nunca ter atingido grande popularidade, a banda é bastante conhecida pelos apreciadores de space rock, rock progressivo, música psicodélica e jazz rock, genêros sob os quais a sonoridade da banda se encaixa.

A banda foi formada em 1967, quando um problema com o visto de Daevid Allen o impediu de voltar da França para a Inglaterra. Allen permaneceu por aquele país, onde conheceu a professora londrina Gilli Smyth, com quem se casaria posteriormente. Os dois formaram a primeira encarnação do Gong, que se desmanchou durante a revolução estudantil de 1968, quando Allen e Smyth foram obrigados a ir para Deya, Majorca, na Espanha. Lá eles conheceram o saxofonista Didier Malherbe, que morava em uma caverna em Deya.

Durante esse período o cineasta Jerome La Perrousaz os convidou para voltar à França para gravar trilhas sonoras para seus filmes. Eles também conseguiram um contrato com a gravadora independente BYG, gravando os discos Magick Brother, Mystic Sister e Bananmoon, este último um trabalho solo de Allen.

Em 1971 a banda conseguiu estabilizar sua formação e lançou Camembert Electrique. O disco foi o primeiro a iniciar a mitologia do Gong, criada por Allen e Smyth, sobre os Pot Head Pixies do Planeta Gong e sua Radio Gnome Invisible. O disco foi lançado na Inglaterra pelo selo Caroline Records da Virgin Record em 1974, com o preço era típico de um single). Isso resultou em grandes vendagens do disco, o suficiente para alcançar um algum posto respeitável nas listas de mais vendidos, o que não ocorreu por ser considerado muito barato.


Um comentário:

Bloody Mary disse...

Caramba!
Que história insólita!
"Pot Head Pixies", "Planeta Gong", "Radio Gnome Invisible", Space Rock, Progressivo, Psicodélico e Jazz!
Onde esse mundo vai parar!
Valeu!